• Home
  • /
  • Sem categoria
  • /
  • 14 de Março – Dia Mundial do Rim – Campanha mundial alerta para a importância da saúde dos rins

14 de Março – Dia Mundial do Rim – Campanha mundial alerta para a importância da saúde dos rins

Dia Mundial do rim

Idealizado pela Sociedade Internacional de Nefrologia (ISN), o Dia Mundial do Rim (DMR) tem como objetivo reduzir o impacto da doença renal em todo o mundo, com algumas ações promovidas para. É comemorado na segunda quinta- feira do mês de março e neste ano, a Sociedade Brasileira de Nefrologia que coordena a Campanha aqui no Brasil promovendo várias atividades de conscientização da doença escolheu o tema “Saúde dos rins para todos”. A doença renal crônica (DRC), que hoje atinge uma em cada dez pessoas no mundo, se caracteriza por lesão nos rins que se mantém por três meses ou mais, com diversas consequências, pois os rins têm muitas funções, dentre elas: regular a pressão, filtrar o sangue, eliminam as toxinas do corpo, controlar a quantidade de sal e água do organismo, produzir hormônios que evitam a anemia e as doenças ósseas, entre outras. Segundo a Sociedade Brasileira de Nefrologia, em geral, nos estágios iniciais, a DRC é silenciosa, e por causa disso, pode haver demora no diagnóstico e ele só ocorrer quando o funcionamento dos rins já está bastante comprometido, necessitando para manutenção da vida do indivíduo, tratamento por meio da diálise ou transplante renal. Assim, são fundamentais a prevenção e o diagnóstico precoce da doença, que tem tratamento e que pode ser observada com a realização de exames de baixo custo, como o exame de urina e a dosagem de creatinina no sangue. Se você é hipertenso, portador de diabetes mellitus, tem familiares com doença renal crônica, está acima do peso ideal, possui mais de 50 anos de idade, é fumante ou portador de doença cardíaca  consulte o nefrologista para verificar a situação dos seus rins. Confira algumas dicas para prevenir a DRC:

  • Beba água;
  • Não fume;
  • Controle seu peso;
  • Tenha hábitos alimentares saudáveis;
  • Pratique atividade física regular;
  • Controle a pressão arterial;
  • Nunca tome remédios sem orientação médica;
  • Consulte um médico regularmente e peça a ele para verificar seu exame de creatinina no sangue.

FONTE: Sociedade Brasileira de Nefrologia (www.sbn.org.br)

Deixe uma resposta